História

A história do Restaurante Mar Aberto teve início em setembro de 1983, quando João Sá e Thierry Nicodème se conheceram na famosa “Aldeia Hippie“ de Arembepe, ambos em momentos especiais de suas vidas.
João, um baiano nascido em Itabuna, ator de teatro e executivo de uma grande empresa, saturado do paletó e da gravata, estava a pensar sobre sua escolha profissional. Do outro lado, Thierry: belga, nascido em Bruxelas, músico e viajante do mundo, vindo de Coté D’Azur, sul da França, onde trabalhava em restaurantes no verão, e também encontrava-se em situação parecida à de João. Resolveram fazer uma viagem pela América do Sul quando, no decorrer desta, surgiu a ideia de unirem suas “artes” e abrir um restaurante em Arembepe.
Com isso, em uma das casas mais antigas da vila de Arembepe, criaram o Restaurante Mar Aberto, cujo nome foi escolhido em virtude da visão privilegiada do local, já que o imóvel situava-se na beira de uma piscina natural, formada pelos arrecifes que a protegia do mar aberto. Foi um início difícil, onde a cozinha era coberta com palhas de coqueiro e o piso de chão batido, pois faltavam recursos financeiros, mas sobravam criatividade e vontade de alcançar o que a dupla sonhava.
João e Thierry, ao longo de quase 30 anos de dedicação e crença no objetivo planejado, desenvolveram um trabalho de culinária focado nos produtos frescos, oriundos das águas que banham a Praia de Arembepe e região, com elaboração de receitas típicas do litoral. A estratégia resultou no sucesso do Restaurante Mar Aberto, conquistando clientes de todos os estados do Brasil e de vários países, levando o seu nome, associado à Arembepe, ao conhecimento internacional.